terça-feira, 12 de outubro de 2010

Escolhas


Devemos aprender a viver

Com a conseqüência
De nossas escolhas,
“Somos a soma de nossas decisões”
O que se escreve
Na branca folha
E que se apaga depois
Mas que ficam os borrões

Depende de sua escolha
Sua tomada de decisão
La na frente o que você colha
É fruto de sua razão
O caminho por onde vai
Levando teu sentimento
Não da para estar
Em varias estradas
Ao mesmo tempo...

Devemos nos contentar
Com os fatos de nossos atos
Que nos levam para
Perto ou para longe
E ate para não voltar
Nunca mais
Fizeste a tua escolha
Também fiz
Escolho a paz...

Gilson Costa