domingo, 27 de fevereiro de 2011

Obsessão



“AGORA”, MESMO QUE SEM TATO OU VISÃO.
LEMBRO-ME DETALHES DO QUE VI,
VONTADE DE TE POSSUIR
TE SENTIR EM MINHAS MÃOS...

NÃO HÁ COMO FUGIR OU TE APAGAR
ESTA SEMPRE LÁ. A ME ESPIAR,
A ATORMENTAR MINHAS LEMBRANÇAS
ACOMPANHANDO O DESEJO O TEMPO TODO.

QUEM MANDOU BRINCAR COM FOGO
ESSA VISÃO ME PERSEGUE
MESMO QUE EU A NEGUE
MESMO QUE SE ENTREGUE, ABRANDA A ALMA,
SOMENTE PARA TIRAR-LHE A CALMA
SUFOCA-ME, ENLOUQUECE MESMO QUANDO NÃO QUER.
ESQUECE-SE...

PREFIRO NÃO ME JULGAR
DEIXAR TUA VISÃO ME DOMINAR
E NÃO APAGAR OS LAMPEJOS,
FUNDIR-ME COM A LOUCURA DO DESEJO...
FORA DELE, NÃO HÁ EXISTÊNCIA
MESMO QUE ME PROVE A CIÊNCIA
AFLORA NA CONSCIÊNCIA,
A FALSA SENSAÇÃO QUE ACABOU
MAS IRROMPE TÃO DEVASTADORAMENTE
EM MINHA MENTE.
É O QUE SE PAGA PELA OUSADIA.
POR ISSO BUSCO VOCÊ PELAS FRESTAS
É O QUE ME RESTA.

TUDO É MISTÉRIO PROFUNDO
FUI EU QUE QUIS OU FOI O MUNDO
JAMAIS SABEREI A RESPOSTA DE TUDO
NEM AO CERTO SE ESTOU ERRADO
CAMINHO SEM SABER PRA QUE LADO
CONFESSO QUE NÃO AGÜENTO MAIS.

ENTÃO, ANTES DESISTA, QUERO TER TEMPO
DE APROVEITAR SEU MOMENTO DE FRAQUEZA.
NO ULTIMO MOMENTO
LEMBRAREI DAS ALEGRIAS QUE COLHI,
DAS PALAVRAS QUE DEIXEI DE FALAR
E DOS DESEJOS QUE SEPULTEI EM MINHA ALMA.


GILSON COSTA