sexta-feira, 25 de maio de 2012

Meu pecado




É amar quem não me pertence
É querer quem não pode ficar comigo
Meu pecado
É não ter sido apenas amigo

É ter me apaixonado de forma intensa
É ter sonhado e ter a alma pretensa,
É achar quem um dia possa mudar
Algo como tirar o sal do mar

Meu pecado é sonhar as noites com você
Mesmo sabendo que não posso a ter
É acordar todo o dia
Olhar para o lado e não te ver

É querer uma vida que não é minha
É querer você mais do que tinha,
É pensar em você a cada instante,
E te ver longe, cada vez mais distante.

Meu pecado tem nome e sobrenome
E no meu ser exerce enorme poder
Mais intenso que os sete pecados capitais
O meu pecado é você.

Gilson costa