segunda-feira, 10 de janeiro de 2011

Bendito


 
Bendito o homem que te possui
bendita a mão que te percruta
bendito os lábios que te beijam
bendito quem teu gemido, escuta
 
bendita a lingua que te bebe
bendita a sede, que não se mede
bendita o corpo que tu cavalgas
sem pressa e sem alarde,
bendito o membro que te invade
 
Gilson Costa