sábado, 4 de setembro de 2010

PLÁGIO

Tentei plagiar outra vida
a minha andava sem graça,
por mais esforço que fazia
me sentia uma grande farsa.

Busquei amigos que não eram meus
amei o amor que não tinha
por anis que eu sofresse
não queria viver a vida minha

Tentei plagiar o próprio Deus
criando um mundo só pra mim
mas como sou um herege
antes do copmeço veio o fim.

Plagiei sonhos: lindos castelos
imitei até a arquitetura
mas não tinha a simetria
de outras belas esculturas,

Plagiei a mãe natureza
- Criei algo perfeito?
não, pois sou apenas um ser humano
que não sabe pensar direito.

Tentei plagiar o amor
e me tornar mais complexo
mas como não nasci para imitar
minha arte ficou sem nexo.....

Gilson Costa