domingo, 17 de junho de 2012

Poetas são verdadeiros idiotas



Poetas são verdadeiros idiotas quando amam! Vendem seus ‘poemas baratos’ por trocadilhos ainda mais estúpidos. Poetas são tolos quando amam. Culpa os astros por sua infelicidade, o álcool por suas necessidades. Poetas são por vezes transversais de uma virtualidade colorida, incompreendidos em rima de plano radial. E quando quiçá compreendidos... “Deus escreve certo por linhas tortas”; Poetas escrevem o certo logo após as tortas linhas!

MARIA CLARA DE CLARO LIRA