domingo, 25 de março de 2012

Mas quem disse que estou sozinho


Mas quem disse que estou sozinho
Olhe ao redor ando bem acompanhado
Perceba que ao longo do meu caminho
Vivo cercado e respirando a poesia

Nas esquinas que passo numa boa
Trago: Quintana, Vinicius e Pessoa,
E quando penso em perder a esperança
Falo com elas, Clarice e Florbela Espanca.

E quando a vida parece estar dura
Peço conselho ao Pablo Neruda
E buço então minhas respostas

Mas não são apenas imortais que matam minha fome
Ando com pessoas, ainda sem renome.
Adoro a companhia de Gilson Costa.

Suas loucuras e os seus desatinos
Ai..quem disse que estou sozinho?

Gilson Costa