quinta-feira, 1 de setembro de 2011

por que é que sou tão calado...



Às vezes você me pergunta
Por que é que eu sou tão calado,
Não falo de amor quase nada, 
Nem fico sorrindo ao teu lado,