quarta-feira, 7 de setembro de 2011

Inteiro


Não sou inteiro, sou feito por partes

Partes que formam este ser
Sou menino, poeta, desejo
Fui paixão
Um sonhador com pé no chão,
Mas tenho asas
Que me impulsionam
Para bem longe de casa.

Não sou inteiro, sou feito em pedaços
Mistura de gelatina com homem de aço
Feito de amores, dores... Sabores
Letras soltas que juntas formam
Uma frase, um texto
Rima solta no ar
A espera de uma estrofe para versar.


Não sou inteiro, sou espera
E a esperar estou, estarei
Um passado num futuro
Que nunca estarei,
Uma linda canção não cantada
Em um não existente fim de tarde,
Sim... Não sou inteiro
Mas também não sou metade!


Gilson Costa