terça-feira, 11 de setembro de 2012

Guerra



Estava meu País em paz
a semear a minha terra
chegou seu exercito fulgaz
a me declarar guerra

Querendo me dominar
invadir minha seara
depois de me adubar
tua calma é que me sara

A principio tentei reagir
lutar contra esta corrente
mas não tinha como fugir
ja dominava minha mente

Veio com força, sua dominação
meu corpo ao seu foi entregue
subjugou-me, desejo e paixão
por mais que eu te renegue

Gilson Costa