domingo, 15 de abril de 2012

PRECISO DE VOCE AMOR MEU


Já esgotei todas as minhas palavras...
Transformei-as em heteronímia... Desgastando minhas rimas...
Já acabei com todos os meus versos, pois
dizer eu te amo já não basta...não é nada
diante do que sinto dentro de mim...sem fim

Já esculpi todas as esculturas em bronze ou em alto relevo
Entreguei-me entreguei a esta obra sem medo
já pintei os quadros mais belos
e fui por muitos considerado louco,
mas dizer..apenas eu te amo... Hoje pra mim é pouco...!

Já inventei todas as invenções que podia
Já mandei apagar o sol...parar o dia
coisas que me fizeram sonhar... Voar
Decifrei todas as equações em minha mente
Te senti no passado..te conjuguei no meu presente,
mas dizer apenas eu te amo... é algo diferente
é tudo, abrangente, corpo, alma e mente
Infinito... Incondicional... É meu bem....é meu mal
mal quando não tenho teus lábios p matar minha sede
quando tenho a certeza que não tenho você
Esta incerteza é meu mal, meu sofrer.

Já esgotei todo meu vocabulário...
Rezei todas as preces... Com meu escapulário
e assim fiz de você ... Minha religião
e te amei sem pudor...me entregando a paixão
mas dizer apenas eu te amo é sacrilégio
é não fazer jus a este imenso sentimento, ao ser amado
é não amar na plenitude...é como viver...em meio ao pecado

NÃO PRECISO APENAS DOS  TEUS BRAÇOS...CORPO...BEIJOS

PRECISO DE SUA ESSÊNCIA... SUA VIDA... SUA ALMA, EM MIM, NA MINHA VIDA!


Gilson Costa