segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

Sou...sempre serei!



Sou sua vida
quer me queira ou não,
sou teu caminho
mesmo sozinho
terá que que me percorrer 
não adianta fugir
não adianta correr,
pois você sou eu e eu sou você.

Sou sua tristeza e alegria
sou sua noite, sou seu dia
sou seu frio, sou seu calor,
sou seu acalanto, sou sua dor.
sou sua casa cheia, sua cama vazia 
sou sua vida..

Sou o teu corpo e sua alma
sua briga interna e tua calma
sou o teu certo e o seu errado
sua virtude, seu pecado
teu presente e teu passado
sou o teu sobrenome
a chame que te consome 
sou teu menino, teu homem...

E quando olhar para trás
irá me querer mais
porque sou tua guerra
sou tua paz


O vento nos traz e levas lembranças, pessoas, fatos...alguns insistem em não partir mais , pois fundem-se a nossa alma...

Gilson Costa