terça-feira, 2 de novembro de 2010

ESPELHO EM CACOS *


Diante da tua prepotência
O meu amor virou fortaleza.

Do contrário, como fazer para...
... enfrentar um deserto que não se sacia?
... comover um coração de aço?
... lidar com carícias farpadas?
...absorver palavras duras e olhos afiados?

A ternura fez-se vingança impiedosa
O sorriso lâmina furiosa
Sobre qualquer possibilidade de perdão.

Coloco minhas cicatrizes a postos
Para enfrentar o teu dragão de certezas
Pois não precisas de armas
Só de tua imprecisa sede de vitórias

Nada pode alcançar o teu poço de holofotes
Onde há muito desaparecestes
Ao te ofereceres como prêmio
Em troca de milhares de vazios
Com que preenches
Tua covardia
Frente ao espelho
...em cacos]


[20/06/2008]
* Poema Inédito
(Imagem:Google)

MENDONÇA, Silvia - Poetas e Escritores do Amor e da Paz - URL: http://silviamota.ning.com/profiles/blogs/espelho-em-cacos - 31/10/2010