terça-feira, 3 de agosto de 2010

Amnésia


Que bom seria esquecer
No minuto seguinte...
O minuto agora,
Então só
se viveria o momento
e ai...esquecimento.


As paixões não arderiam
As saudades não doeriam
As tristezas...esvaziariam
E a vida seguiria


Entregaríamos sem medo
À sentimentos, aos amores,
Aos sonhos,
Para que no instante seguinte,
Viver tudo de novo,
Do zero.


Bendito esquecimento
Renasceríamos a cada dia
E teríamos varias vidas
Que bom seria.


Gilson Costa