domingo, 29 de janeiro de 2012

Não espere um amor


Não espere um amor
que te arrebate,
que tua sede e fome mate
e que te faça ver estrelas
em plena terra

Não espere um amor
que te ilumine
que te preenche e domine
e que com ele você vença
todas as suas guerras

Porque?
Porque ha varias formas de amar

Ha o amor aventureiro
o puro, o verdadeiro,
e aquele que se entrega por inteiro...

Ha quem se dedique
de corpo e alma
ha aqueles que perdem a fome
e a calma
ha aqueles que o amor consome...

mas também ha aqueles
que pouco se dão
que dominam a emoção
que amam com a mente
e não com o coração

mesmo parecendo não se doar nada
mesmo deixando a desejar
esta é a forma deles de amar

então
não espere um amor de conto de fadas
e quando o amor vier
do jeito que vier não reclame,
apenas ame!

Gilson Costa