quarta-feira, 1 de agosto de 2012

Nossa Poesia



Fazer amor com você,
da forma que eu sempre faço
é uma arte, um prazer
é como um quadro de Picasso.

Ter a tua companhia
quando a tua luz em mim inside,
é uma paisagem, uma pintura
algo como Monet em Marine.

E teu corpo me seduz
e nele minha mão desliza
imagino que com todo este ardor 
Pintou Da Vinci sua Monalisa

E nosso amor é sinfonia
Mozart, Bethoven, sons do céu
Nosso beijo em ritmia
como o Bolero de Ravel.

E tua vida vira minha poesia
tua intensidade a minha alma inunda
versos, "batatinhas quando nasce"
nunca serei um Pablo Neruda.

E vou vivendo de saudades
e do teu amor, numa boa
o que sinto por você
da uma poesia de Fernando Pessoa...

Gilson Costa