domingo, 10 de abril de 2011

Contra o tempo



LUTO CONTRA O TEMPO
PARA FUGIR DO TEU PECADO
MAS SOU DOMINADO
POR ESTE DESEJO FEROZ
TENHO TANTO TEMPO
PARA SONHAR-TE AMANTE
MESMO QUE DISTANTE
TIRA-ME TODA A RAZÃO
FICO SEM NENHUMA NOÇÃO
JÁ NÃO HÁ MAIS TEMPO
LOGO É O MOMENTO
DE SONHAR COM ARDOR
ESFRIAR ESTE CALOR
VEJO PASSAR O TEMPO
E MINHA ALMA SE CALA
O DESEJO POR MIM FALA
DEIXANDO O TEMPO FLUIR
PARA O TEMPO DE TE POSSUIR

GILSON COSTA