terça-feira, 17 de setembro de 2013

Lua!!!


Pedia tanto um amor aos céus
encaixe perfeito, outra metade
que afogasse qualquer saudade
e que se possível, durasse a eternidade.


Pedia tanto um amor aos céus
sincero e perfeitamente intenso
maduro e infantil, conforme o tempo
e que seja em si, imenso.


Pedia tanto um amor aos céus
de corpo e alma nua
fez uma prece tão sincera
que ganhou como amor,
a  própria Lua!!!



Gilson Costa